Lista de vacinados inclui 66 servidores administrativos e 1.419 ‘outros’, em Manaus

Número de profissionais classificados como "outros", só é menor que os auxiliares de enfermagem na lista de imunizados.

0
Foto: Reprodução

MANAUS – A lista de pessoas imunizadas contra a Covid-19 na primeira etapa de vacinação contra a Covid-19 em Manaus, divulgada pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) na noite de domingo (24), inclui digitadores e assistentes, técnicos e auxiliares administrativos.

A relação traz os nomes de quem recebeu a primeira dose da Coronavac até este domingo, às 17h17. A lista só foi liberada após ordem da Justiça Federal.

Além dos profissionais de saúde, considerados prioridade na vacinação, estão servidores de setores administrativos. No documento constam 41 assistentes em administração, 20 auxiliares administrativos, 5 técnicos em administração e 6 digitadores. Nenhum dos cargos é enquadrado como função de linha de frente no combate à Covid-19.

Os servidores administrativos que já foram vacinados são de unidades de saúde diversas, como as Unidades Básicas de Saúdes (UBSs) Gebes de Medeiros, Alfredo Campos, Leonor de Freitas, Arthur Virgílio, Maria Leonor Brilhante, Dr. Luiz Montenegro, e outras.

Outros

Além de conter nomes de profissionais fora dos grupos prioritários, a lista de vacinados disponibilizada traz 1.419 pessoas classificadas como “outros” na identificação da sua função.

Depois dos técnicos de enfermagem, que somam 1.901 imunizados, a categoria “outros” é a que mais foi vacinada em Manaus. Nem mesmo os médicos foram priorizados antes dos “outros”. Foram 1.026 os profissionais médicos vacinados até este domingo.

Em nota, a Prefeitura de Manaus informou que o grupo “outros” foi estabelecido pelo Ministério da Saúde e que estão inseridos profissionais de Nutrição, Biologia, Biomedicina, Psicologia, Fonoaudiologia, segurança, cozinheiros e auxiliares de cozinha, maqueiros, e acadêmicos em saúde e estudantes da área técnica de saúde em estágio hospitalar, atenção básica e laboratórios.

Entre os nomes classificados em ‘outros’ estão o empresário Bento Martins e sua esposa, Jane Soares Pereira. Eles são proprietários de empresa que fornece alimentação ao HPS da Criança da Zona Sul e não trabalham diretamente no local.

Nesta segunda-feira, o Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM) notificou a Prefeitura de Manaus para que corrija a lista de pessoas imunizadas. O Tribunal encontrou divergências em nomes e CPFs dos servidores identificados.

A prefeitura já vacinou cerca de 6.380 pessoas. É possível acessar a lista completa AQUI. Também é possível acessar o vacinômetro AQUI.

Comentários