“Ultimamente, banqueiros vencem tudo no Brasil”, diz Serafim sobre controle do BC

“Não espere nada de banqueiro que não vem nada. Só vem juros mais altos, juros absurdos”, disse o deputado.

10
Foto: Divulgação

MANAUS – O deputado Serafim Corrêa (PSB) criticou nesta quinta-feira (11), em tom de ironia, a decisão do Congresso Nacional de aprovar, na pandemia da covid-19, a autonomia do Banco Central.

O projeto é de autoria do senador Plínio Valério (PSDB-AM). Para ele, a votação foi uma estúpida inversão de pauta.

Para Serafim, os congressistas deveriam ter priorizado discussões sobre vacina, abono emergencial e retomada das atividades com segurança.

A autonomia do Banco Central deveria ser discutida em outro momento”, disse, ironizando:

Os banqueiros venceram. Aliás, ultimamente, os banqueiros vencem tudo no Brasil”.

Serafim Corrêa também cutucou o colega Josué Neto, que elogiou a autonomia do BC.

Eu fiquei assustado quando o nosso querido colega Josué (Neto) disse que os bancos podem flexibilizar. Eles não vão flexibilizar nada. Eles agora já mandam até no Banco Central. Portanto, não espere nada de banqueiro que não vem nada. Só vem juros mais altos, juros absurdos”.

Comentários

1 COMENTÁRIO

Comments are closed.