José de Abreu é condenado por disseminar discursos de ódio contra partido

    Foto: Reprodução / Tv Globo

    O ator José de Abreu terá de retirar do Twitter os posts ofensivos ao PSDB de São Paulo publicados em janeiro deste ano. A decisão, em caráter liminar, foi proferida ontem pelo Desembargador José Carlos Ferreira Alves, do Tribunal de Justiça de São Paulo. De acordo com a decisão, José de Abreu extrapolou os limites do razoável e da exposição da liberdade de manifestação de pensamento e opinião.

    “Destaca-se que a liberdade de opinião, manifestada publicamente, não pode ser exercida de forma irresponsável, sob pena de ocorrer o exercício arbitrário da justiça com as próprias mãos, o que é intolerável num estado democrático de direito”, descreveu.

    Para o presidente do Diretório Estadual do PSDB-SP, Marco Vinholi, a liminar fez Justiça ao partido. “A liberdade de expressão não dá às pessoas o direito de caluniar, de dizer mentiras à vontade. É preciso ter responsabilidade e, para aqueles que não têm esse compromisso, existe a Justiça”, disse.

    Comentários

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui