fbpx
28.3 C
Manaus
quinta-feira, 21 outubro, 2021
Patrocinado
InícioAmazonasDeputada Joana Darc (PL) vai destinar recursos para ampliar delegacias da mulher

Deputada Joana Darc (PL) vai destinar recursos para ampliar delegacias da mulher

A deputada estadual Joana Darc (PL) participou na manhã desta quarta-feira (02) da inauguração da nova Delegacia Especializada em Crimes Contra a Mulher (CECCM), localizada Rua Desembargador Felismino Soares, no bairro Colônia Antônio Aleixo, Zona Sul da capital.

Na oportunidade, Joana Darc, ressaltou a importância de se combater a violência contra mulher. E declarou que irá destinar recursos melhorar e ampliar ainda mais os serviços que garantam a segurança da mulher “A gente só consegue combater a violência contra a mulher oportunizando mais políticas públicas e garantindo serviços que auxiliem e assegurem a segurança da mulher na capital e interior. E agora podemos ver que as mulheres estão tendo mais coragem de denunciar, vemos isso nas estatísticas, as denúncias cresceram expressivamente. Por isso irei destinar recursos para que mais iniciativas que cuidem e preservem a segurança da mulher para os próximos anos sejam garantidas”, declarou a deputada.

E para assegurar mais comprometimento e conforto às mulheres vítimas de violência, a deputada está com um projeto de lei tramitando na Assembleia Legislativa do Amazonas (aleam) que visa garantir que as Delegacias Especializadas em Crimes Contra a Mulher do Estado tenham, no mínimo, 60% dos cargos ocupados por profissionais do sexo feminino.

A parlamentar parabenizou a iniciativa do Governo do Amazonas, em se preocupar com a segurança para as mulheres do estado por meio da ampliação das Delegacias da Mulher. “Essa é a primeira vez que estamos vendo um Governo se preocupar nesta proporção com a segurança da mulher, e ainda mais preocupado em levar isso para o interior do estado, onde já inaugurou a primeira unidade do Samic (Serviço de Apoio a Mulher, Idoso e Criança) em Itacoatiara, que vai oferecer atendimentos sociais, psicológicos e até jurídicos, para mulheres vítimas de violência”, finalizou a parlamentar.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -

Mais Lidas

×

Olá!

Fale agora mesmo com nosso atendimento.

× Como posso te ajudar?