fbpx
24.3 C
Manaus
domingo, 23 janeiro, 2022
Patrocinado
InícioBrasilLava Jato pede apoio à PGR para que investigações sobre Serra sejam...

Lava Jato pede apoio à PGR para que investigações sobre Serra sejam retomadas

Procuradores afirmam que operação apura irregularidades no período em que senador esteve à frente do governo de SP e não fere a prerrogativa de foro.

A força-tarefa Lava Jato do Ministério Público Federal em São Paulo encaminhou nesta sexta-feira (31),ofício à Procuradoria-Geral da República (PGR) pedindo apoio para que as investigações sobre o senador José Serra (PSDB) sejam retomadas.

Solicitamos que sejam adotadas todas as providências cabíveis a fim de que a reclamação em questão seja pautada com urgência, vez que, na presente data, por cautela, o juízo da 6ª Vara Federal Criminal suspendeu a ação penal […] em face de José Serra e de Verônica Serra, mesmo reconhecendo não ter ela sido afetada pela liminar concedida. Desse modo, o desfecho da reclamação mostra-se essencial não apenas para que as investigações do citado esquema de lavagem de Capitais sejam retomadas, mas também para que seja retomada a própria ação penal que, em relação a uma parte dele, já havia sido instaurada“, diz o documento.

Nesta quinta-feira (30), o juiz federal Diego Paes Moreira decidiu suspender a ação penal contra o senador e ex-governador José Serra (PSDB) e a filha dele, Verônica Allende Serra, por lavagem de dinheiro.

A decisão ocorreu após o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) Dias Toffoli suspender todas as investigações da Lava Jato sobre a campanha do senador.

No ofício, o Ministério Público Federal (MPF) diz entender como “indevida” suspensão do processo. Os procuradores afirmam que a operação apura irregularidades cometidas no período em que o político esteve à frente do governo de São Paulo e , por isso, não fere a prerrogativa de foro.

Nesta quinta (30), a defesa de Serra, formada pelos advogados Flávia Rahal e Sepúlveda Pertence, considerou “prudente” a suspensão, alegando que a denúncia é “absurda” e o juízo federal paulista é “incompetente” para o caso.

Comentários

- Advertisment -

Mais Lidas

×

Olá!

Fale agora mesmo com nosso atendimento.

× Como posso te ajudar?