Wilson Lima proíbe acesso às escolas para realização do Enem no Amazonas

Decreto considera o estado de crise na saúde pela proliferação do novo coronavírus.

2

AMAZONAS – O governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), proibiu o acesso às escolas públicas estaduais para a realização do Enem nos dias 17 e 24 de janeiro de 2021. A decisão consta no Decreto nº 43.283, desta quinta-feira (14). O objetivo é reduzir a taxa de transmissão da Covid-19 no estado.

O decreto considera a decisão proferida pela 3ª Vara Federal Cível da Seção Judiciária do Amazonas, do último dia 13 de janeiro, que determinou a suspensão da aplicação das provas. A decisão da Justiça Federal determina que o Governo do Amazonas não deve disponibilizar as escolas enquanto perdurar o estado de calamidade pública.

O prefeito de Manaus, David Almeida, anunciou nesta semana que as escolas públicas municipais também serão fechadas para a realização das provas. O Ministério da Educação (MEC), tenta reverter as ações na Justiça.

Comentários