fbpx
25 C
Manaus
segunda-feira, 19 abril, 2021
Patrocinado
InícioBrasil'Fui vítima da maior mentira jurídica em 500 anos', afirma Lula

‘Fui vítima da maior mentira jurídica em 500 anos’, afirma Lula

Dois dias depois de ter condenações anuladas, ex-presidente disse que não sente mágoa mesmo após prisão.

BRASIL –  O ex-presidente da república, Luiz Inácio Lula da Silva, afirmou nesta quarta-feira (10) que foi vítima da maior mentira jurídica em 500 anos.

Lula fez a declaração durante coletiva que convocou dois dias depois de o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin, ter decidido anular quatro condenações contra ele no âmbito da Operação Lava Jato. 

“Eu fui vítima da maior mentira jurídica pintada em 500 anos da história deste país“, afirmou Lula durante pronunciamento.

O ex-presidente petista chegou a ficar quase três anos presos depois de ter sido condenado no processo do caso tríplex do Guarujá.

Desde então, tem tentado anular as condenações no STF, sob argumento de que ele foi vítima de um conluio entre o Ministério Público Federal (MPF) e a Justiça Federal de Curitiba, à época comandada por Sergio Moro.

Apesar de tudo o que passou, Lula afirmou não ter mágoas.

Se tem brasileiro com razão para ter muitas e profundas mágoas sou eu. Mas eu não tenho. Sinceramente eu não tenho, porque o sofrimento que o povo brasileiro está passando, o sofrimento que as pessoas pobres estão passando é infinitamente maior que qualquer crime que cometeram contra mim“, afirmou.

Com a decisão de Fachin, o ex-presidente recuperou os direitos políticos que tinha perdido por conta das condenações. No PT, o nome de Lula é o mais cotado para ser o candidato à Presidência em 2022

Assista ao pronunciamento:

*SBT News

Comentários

- Advertisment -

Mais Lidas

Comentários

Fique sempre bem informado

Fique sempre bem informado

Receba notícias exclusivas diretamente em seu E-mail.

 
 
 
 
 

Sua inscrição foi realizada com sucesso

×

Olá!

Fale agora mesmo com nosso atendimento.

× Como posso te ajudar?