Guedes pede desculpas por dizer que primeira-dama francesa ‘é feia’

Ministério da Economia afirma que a fala do ministro sobre Brigitte Macron foi uma “brincadeira” para ilustrar “questões relevantes e urgentes para o país”

Horas depois de o ministro da Economia, Paulo Guedes, dizer em evento no Nordeste que a primeira-dama francesa, Brigitte Macron “é feia mesmo”, a pasta divulgou um pedido público de desculpas. Segundo a Economia, o ministro fez uma “brincadeira” durante palestra para empresários em Fortaleza (CE).

“O ministro Paulo Guedes pede desculpas pela brincadeira feita hoje em evento público em Fortaleza (CE), quando mencionou a primeira-dama francesa, Brigitte Macron”, diz a pasta em nota à imprensa.

PUBLICIDADE

“A intenção do ministro foi ilustrar que questões relevantes e urgentes para o país não têm o espaço que deveriam no debate público. Não houve qualquer intenção de proferir ofensas pessoais”, afirma o comunicado.

Mais cedo, Guedes reclamou do que chamou de excesso de atenção para as falas e os “modos” do presidente Jair Bolsonaro, enquanto, segundo ele, o país tem tido progressos na área econômica.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui