Bolsonaro defende comércio aberto e idosos preservados

o comércio deve ser aberto e que "a saúde dos idosos e portadores de comorbidades" deve ser preservada. Disse o presidente

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) voltou a se pronunciar sobre as medidas adotadas por estados para conter avanço do coronavírus (COVID-19) e usou o Twitter na manhã desta quarta-feira (25) para reafirmar o que declarou durante o pronunciamento da noite de terça.

Na pubicação, o presidente disse que o comércio deve ser aberto e que “a saúde dos idosos e portadores de comorbidades” deve ser preservada. “38 milhões de autônomos já foram atingidos. Se as empresas não produzirem não pagarão salários. Se a economia colapsar os servidores também não receberão. Devemos abrir o comércio e tudo fazer para preservar a saúde dos idosos e portadores de comorbidades”, escreveu.

Veja a publicação:

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui